A produção brasileira de aço bruto somou 2,4 milhões de toneladas em fevereiro de 2010, com queda de 11,1 % em relação ao mês anterior, segundo divulgou hoje o Instituto Aço Brasil (IABr). Na comparação com fevereiro de 2009, houve aumento de 47,9%.

No primeiro bimestre deste ano, a produção de aço bruto totalizou 5,2 milhões de toneladas, com crescimento de 58,9% ante igual período do ano passado.

A produção de laminados, de acordo com o IABr, somou 2 milhões de toneladas em fevereiro de 2010, com queda de 5,2% ante o mês anterior, mas aumento de 74,5% ante igual mês do ano passado. No primeiro bimestre, a produção de laminados chegou a 4,1 milhões de toneladas, com alta de 88,5% sobre o mesmo período de 2009.

O IABr também apresentou dados relativos às vendas internas, que apontam vendas totais de 1,6 milhão de toneladas de produtos em fevereiro, com queda de 2,4% ante o mês anterior e aumento de 64% ante igual mês de 2009. As vendas acumuladas em 2010, de 3,2 milhões de toneladas, mostram crescimento de 66,6% com relação ao mesmo período do ano anterior.

Já as exportações de produtos siderúrgicos em fevereiro de 2010 atingiram 653,4 mil toneladas no valor de US$ 350,4 milhões. No primeiro bimestre do ano, as exportações do setor totalizaram 1,3 milhão de toneladas e US$ 723,3 milhões, com aumento de 45,7% em volume e de 6,1 % em valor, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

As importações somaram em fevereiro um volume de 360,7 mil toneladas (US$ 312,4 milhões) totalizando, desse modo, 744,5 mil toneladas de produtos siderúrgicos no acumulado dos primeiros dois meses do ano, 81% acima do mesmo período do ano passado.

Por fim, o IABr informa que o consumo aparente nacional de produtos siderúrgicos em fevereiro foi de 1,9 milhão de toneladas, totalizando 3,9 milhões de toneladas no primeiro bimestre de 2010. Esses valores representaram elevação de 74,3% e 73,0%, respectivamente, em relação a igual período do ano anterior.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.