Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Príncipe de Mônaco autoriza extradição de Cacciola

O príncipe Albert II, de Mônaco, concedeu hoje a extradição do ex-banqueiro Salvatore Cacciola para o Brasil. A informação é do Ministério da Justiça, em Brasília.

Agência Estado |

A Polícia Federal se prepara agora para buscar o ex-banqueiro. Ele está preso desde de dezembro de 2007, em Mônaco. Cacciola foi condenado a 13 anos de prisão no Brasil, por desvio de dinheiro público e gestão fraudulenta de instituição financeira. Ele era dono do banco Marka e estava foragido da justiça brasileira há sete anos.

A decisão do príncipe Albert II é a palavra final do governo monegasco e homologa a decisão que havia sido tomada pelo Tribunal de Apelações de Mônaco em abril, confirmada pelo Tribunal de Revisão do Principado na semana passada.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG