Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Previdência argentina tentará reverter congelamento de investimentos

Buenos Aires, 14 dez (EFE).- O advogado que representa nos EUA a Administração Nacional da Seguridade Social da Argentina (Anses) disse não acreditar que a Justiça do país sul-americano embargue fundos previdenciários argentinos, embora admita que o congelamento desses investimentos representa uma derrota parcial.

EFE |

"Estamos perdendo por 1 a 0, mas na metade da partida", resumiu o advogado Marco Schnabl em declarações publicadas hoje pelo jornal argentino "Perfil".

Ele referia-se à decisão do juiz nova-iorquino Thomas Griesa de congelar investimentos de US$ 553 milhões nos Estados Unidos das Administradoras de Fundos de Aposentadoria e Previdência da Argentina (AFJP).

Griesa, que atuou por pedido de um grupo de credores que ficou fora da troca da dívida pública argentina estabelecida em 2005, tomou a decisão de congelar esses fundos no final de outubro e a ratificou há poucos dias, fundamentando-a em um documento de 40 páginas.

O requerimento desses credores foi feito quando avançava no Parlamento argentino um projeto oficial para nacionalizar os fundos de aposentadorias e pensões, em mãos privadas desde 1994.

Essa iniciativa foi transformada em lei em 20 de novembro deste ano e supôs a transferência ao Estado dos fundos das dez administradoras que operavam no país e que acumulavam investimentos em torno de US$ 30 bilhões.

Em suas declarações ao "Perfil", Schnabl considerou que é "muito incomum" que um tribunal permita o embargo de fundos de aposentadoria para cancelar dívidas comerciais.

"Griesa está em desacordo conosco quando asseguramos que a Anses é autárquica e, portanto, tem fundos soberanos e não é responsável pela dívida pública", comentou.

Segundo ele, o juiz nova-iorquino "não tem provas, além de recortes de jornais, que não são provas para nenhum julgamento nos Estados Unidos". EFE cw/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG