Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Pressionados por bancos, mercados europeus fecham em baixa

LONDRES - Os mercados acionários europeus fecharam em queda nesta terça-feira, à medida que se intensificavam as preocupações dos investidores sobre a desaceleração econômica global, puxado pelos bancos. O índice FTSEurofirst 300, que acompanha as principais ações europeias, caiu 1,69%, para 838 pontos. Na mínima da sessão, o indicador chegou a marcar 828 pontos.

Reuters |

"Os mercados estão precificando um declínio europeu bem maior que o imaginado até o fim do ano passado e estão liquidando", disse Peter Dixon, economista britânico no Commerzbank.

"É uma percepção de que os dados divulgados nas últimas semanas foram universalmente terríveis fora da Europa", disse Dixon.

Os bancos apresentaram o pior desempenho do índice. Barclays, Royal Bank of Scotland e HBOS recuaram entre 3,7% e 10,1%.

Os papéis do Deutsche Bank recuaram 0,9% com os boatos de que o Deutsche Post, cujas ações caíram 6%, poderia adquirir uma participação no grupo como parte de um acordo para completar a venda do Deutsch Postbank, segundo uma fonte próxima ao assunto.

Deutsche Post e Deutsche Bank recusaram-se a comentar.

Os ativos do Deutsche Postbank dispararam quase 12%.

Em Londres, o índice Financial Times fechou em queda de 0,61%, a 4.399 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX cedeu 1,75%, para 4.636 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 recuou 1,49%, para 3.197 pontos.

Em Milão, o índice Mibtel encerrou em queda de 1,98%, a 15.219 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou recuo de 1,55%, para 9.057 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 teve desvalorização de 0,53%, para 6.495 pontos.

(Reportagem de Joanne Frearson)

Leia tudo sobre: bolsa de valores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG