Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Presidente ucraniano pede que Rússia retome fornecimento de gás

O presidente da Ucrânia, Viktor Yushenko, pediu nesta quarta-feira à Rússia que retome o fornecimento de gás para os consumidores europeus, suspenso devido à chamada guerra do gás entre Moscou e Kiev.

AFP |

O serviço de imprensa da presidência ucraniana publicou um comunicado no qual revela que Yushenko, "em conversa por telefone com seu colega russo, Dimitri Medvedev, declarou que a Ucrânia está disposta a fazer todo o possível para garantir a passagem do gás (por seu território), nos volumes fornecidos pela Rússia".

O presidente ucraniano "propôs criar uma comissão composta por representantes das duas partes (em conflito) e dos consumidores europeus, para analisar a situação e elaborar recomendações para o retorno imediato da normalidade".

"Yushenko pediu à parte russa que retome o diálogo construtivo e destacou que a parte ucraniana está disposta a manter negociações abertas e transparentes, com a participação de representantes da Comissão Européia".

Segundo as agências russas, Medveded disse a Yushenko que a Rússia só retomará o fornecimento de gás se a Ucrânia pagar o preço de mercado pelo produto.

A Rússia suspendeu em 1º de janeiro seu fornecimento de gás para o consumo interno da Ucrânia devido a falta de um acordo sobre os preços do produto e pelo débito acumulado no final de 2008.

O impasse russo-ucraniano levou na quarta-feira à interrupção total do fornecimento do gás russo para a Europa via Ucrânia.

mp/LR

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG