A presidente do Federal Reserve de Cleveland, Sandra Pianalto, estimou nesta sexta-feira que os Estados Unidos estavam em recessão e que seu final estava ainda muito distante.

Durante un discurso em Cleveland (Ohio, nordeste dos EUA), ela declarou que "a duração e a gravidade dessa recessão dependerão da rapidez com a qual os mercados de crédito recuperem a normalidade", segundo o texto do pronunciamento distribuído à imprensa.

mj/fga/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.