Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Presidente do BC japonês contra redução coordenada das taxas de juros

O presidente do Banco do Japão (BoJ), Masaaki Shirakawa, se declarou contrário a que os grandes bancos centrais do mundo fechem um acordo para reduzir as taxas de juros de modo simultâneo.

AFP |

"Cada economia deve adotar suas próprias medidas, levando em consideração suas próprias condições", declarou Shirakawa.

O BoJ decidiu, por unanimidade dos sete membros do comitê de política monetária, manter a taxa básica de juros do Japão em 0,50%.

si-roc/fp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG