Os preços atuais do petróleo, acima dos US$ 120 o barril, são anormais e poderão cair até a faixa dos US$ 78 nas circunstâncias adequadas, afirmou nesta terça-feira o presidente da Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep), Chakib Khelil.

"Se o dólar continuar se fortalecendo e a situação política (relativa ao Irã) melhorar, os preços a longo prazo se situarão em torno dos US$ 78", afirmou Khelil aos jornalistas em Jacarta, assegurando que o mercado está bem abastecido de cru.

Os preços do petróleo se multiplicaram por dois nos últimos dois anos, mas recentemente retrocederam após terem atingido o recorde de US$ 147 o barril no início deste mês. Nesta terça-feira os preços rondavam os US$ 125 o barril.

Leia mais sobre petróleo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.