Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preços no atacado do Japão caem e deflação assombra

Por Tetsushi Kajimoto TÓQUIO (Reuters) - Os preços no atacado japonês caíram em janeiro, frente ao mesmo período do ano passado, marcando a primeira queda neste tipo de comparação em cinco anos e possivelmente sinalizando a segunda rodada de deflação nesta década para a segunda maior economia do mundo.

Reuters |

Formuladores de política monetária ao redor do mundo têm destacado a ameaça da deflação para a economia global, mas o Japão é visto como particularmente em risco, considerando que a demanda doméstica fraca segue pressionada por uma queda recorde nas exportações.

Os preços no atacado do país caíram 0,2 por cento em janeiro frente ao mesmo período do ano passado, menos de seis meses depois que a inflação no atacado atingiu o pico de 7,4 por cento em agosto, o maior patamar em 27 anos, por conta do aumento dos preços de petróleo e commodities. Os mercados esperavam um aumento de 0,3 por cento para os preços no período.

"Dada a queda tão rápida dos preços no atacado, o Japão definitivamente enfrentará uma deflação em poucos meses", afirmou Massamichi Adachi, economista sênior do JP Morgan Securities Japan.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG