Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preços do petróleo recuam mais de US$ 1 por alta do dólar

SÃO PAULO - A forte valorização do dólar frente a outras moedas, sobretudo o euro, deram suporte para mais um pregão de baixa nos preços futuros do petróleo. O produto, cotado em dólar, perde atratividade de agentes que vinham investindo nesse mercado em busca de ganhos de curto prazo e proteção contra a inflação.

Valor Online |

O contrato de WTI negociado para o mês de setembro em Nova York fechou cotado a US$ 113,77, com baixa de US$ 1,24. O vencimento para o mês seguinte caiu US$ 1,09, para US$ 113,94. Em Londres, o barril de Brent para o próximo mês declinou US$ 1,13, para US$ 112,55. O contrato para outubro fechou a US$ 113,75, com desvalorização de US$ 0,96.

Além da valorização da moeda americana para o nível mais alto desde janeiro, os investidores também levaram em conta as preocupações em relação à demanda pelo produto, que tem diminuído devido à recessão nas grandes economias e ao alto preço do cru e derivados.

Levantamento divulgado pela Organização dos Países Produtores de Petróleo (Opep) mostra que nos primeiros sete meses deste ano a demanda por combustíveis de transporte e industriais caíram 3,8%, o equivalente a 800 mil barris diários.

O cartel estima que a demanda global feche 2008 em 86,90 milhões de barris diários, pouco acima da média de 85,90 milhões de barris apurados em 2007. Para 2009, a previsão da Opep foi mantida em 87,8 milhões de barris por dia.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG