Tamanho do texto

Os preços das moradias nos Estados Unidos subiram novamente em julho, de acordo com os índices de preços divulgados hoje pela S&P Case-Shiller

selo

Os preços das moradias nos Estados Unidos subiram novamente em julho, de acordo com os índices de preços divulgados hoje pela S&P Case-Shiller. Na comparação entre julho e junho, o índice de preços de moradias nas 20 maiores áreas metropolitanas do país aumentou 0,6%. Já o índice para as 10 maiores cidades avançou 0,8%. Em junho, as altas haviam sido de 1,0% nos dois casos.

Ajustados por fatores sazonais, o índice de preços em 20 cidades caiu 0,1% em julho ante junho e o índice para 10 cidades ficou estável. Em relação a julho do ano passado, as altas não ajustadas foram de 3,2% no índice para 20 cidades e de 4,1% para 10 cidades. Em junho, os avanços anuais foram de 4,2% e 5,0%, respectivamente.

Em termos mensais, os maiores avanços nos preços das moradias foram registrados em Detroit (alta de 1,6%) e Nova York (aumento de 1,3%). Las Vegas liderou as quedas, com baixa de 0,8%. David M. Blitzer, presidente do comitê de índices da S&P, afirmou que, em relação ao futuro, os preços "ainda enfrentam algum suporte residual" do crédito fiscal que expirou em abril deste ano. No entanto, "julgando pelo recente comportamento do mercado imobiliário, preços estáveis são mais prováveis", acrescentou. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.