Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preço dos grãos segue elevado apesar da queda recente, diz Abef

São Paulo, 11 - Os preços do milho e da soja ainda seguem elevados, apesar da forte queda no mercado internacional no último mês, que se refletiu nas transações internas, disse hoje o presidente da Associação Brasileira dos Produtores (Abef), Francisco Turra. Os preços de ambos os grãos cederam quase 30% no último mês, pressionados pelas boas condições da nova safra americana, que começa a ser colhida em setembro.

Agência Estado |

Como resultado, os preços internos caíram cerca de 20%.

Turra disse que ainda é cedo para avaliar um impacto positivo nas margens das indústrias processadoras de frango, que têm nos grãos o seu maior custo de produção. "Os preços ainda estão em patamares elevados e as margens de lucro estão estreitas, mas é claro que essa queda recente ajuda", disse. Para ele, o preço "ideal" do milho seria R$ 20 a saca, valor que já está sendo negociado no interior do Paraná, e, o da soja, R$ 25. Hoje, a oleaginosa foi cotada a R$ 42,50 na mesma praça.

A Abef informou hoje um aumento de 19% nas exportações de carne de frango até julho para 2,2 milhões de toneladas e uma receita 57% maior no período para US$ 4 bilhões.

Em julho, os embarques de carne de frango totalizaram 339 mil toneladas, um crescimento de 19,5% em relação a julho de 2007. A receita cambial no mês totalizou US$ 689 milhões, aumento de 57% sobre julho do ano passado.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG