Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preço do petróleo fecha em baixa de mais de US$ 1 por barril

SÃO PAULO - Os preços do petróleo fecharam com forte baixa, pressionados mais uma vez pelas preocupações com a demanda global de energia, em meio a sinalizações de fraqueza das economias. O contrato de WTI negociado para janeiro de 2009 fechou em baixa de US$ 1,64, para US$ 42,07. O vencimento para o mês seguinte fechou a US$ 44,66, com recuo de US$ 1,70.

Valor Online |

Em Londres, o barril de Brent para o próximo mês caiu US$ 1,89, para US$ 41,53. O contrato para fevereiro encerrou vendido a US$ 44,05, com desvalorização de US$ 1,77.

Os investidores ficaram especialmente cautelosos com a previsão do Departamento de Energia dos Estados Unidos de que a demanda global por energia deve cair neste ano, pela primeira vez desde 1983.

O consumo de óleo cru deverá ficar a 85,75 milhões de barris diários neste ano, o que significa 50 mil barris a menos do que a média verificada em 2007. A demanda não caía globalmente desde o começo dos anos 80.

Para 2009 a estimativa é de consumo de 85,3 milhões de barris diários, recuo de 0,5% perante este ano. A estimativa ficou 630 mil barris menor do que a projeção feita há um mês.

Ao mesmo tempo, os agentes ainda ponderam a possibilidade de corte da cota de produção da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que têm reunião no próximo dia 17 na Argélia.

Essa hipótese, no entanto, não vem sendo suficiente para sustentar uma inversão de tendência dos preços do petróleo, que já caíram mais de 65% neste ano devido ao agravamento da crise financeira e os reflexos na economia global.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG