SÃO PAULO - O petróleo segue em queda nesta tarde, com o fortalecimento do dólar e com um leve relaxamento das tensões entre Irã e Israel. O presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad disse não acreditar na chance de um conflito armado entre seu país e Israel ou os Estados Unidos.

Em encontro das nações muçulmanas na Malásia, o dirigente do Irã comentou que o povo americano não deixaria o presidente George W. Bush autorizar um ataque contra os iranianos porque seria um suicídio político.

A situação econômica, política e militar não permitirá que Bush faça isso (um ataque), comentou Ahmadinejad.

Há pouco em Nova York, o WTI para agosto declinava US$ 5,29, a US$ 136,08. O contrato de setembro estava a US$ 136,10, com decréscimo de US$ 5,93.

Em Londres, o Brent com entrega em agosto estava a US$ 136,78, baixa de US$ 5,09. O vencimento de setembro cedia US$ 5, a US$ 137,66.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.