Tamanho do texto

SÃO PAULO - Os preços do petróleo operam novamente em baixa nesta sexta-feira, ainda pressionados por dados econômicos americanos que apontam para retração da demanda por petróleo e derivados. Hoje o governo dos EUA divulgou perda de 524 mil empregos no país em dezembro, reforçando o temor dos investidores.

O contrato de WTI negociado para o mês de fevereiro em Nova York era negociado a US$ 39,54, com queda de US$ 2,16. O vencimento para o mês seguinte declina US$ 1,96, para US$ 44,55. Em Londres, o barril de Brent para o próximo mês era cotado a US$ 43,40, com recuo de US$ 1,27. O contrato para março cai US$ 1,25, para US$ 46,30.

No ano de 2008, a perda de postos de trabalho chegou a 2,589 milhões, maior volume desde 1945. A taxa de desemprego oficial subiu a 7,2%, maior nível em 15 anos. Não bastasse isso, o mercado de petróleo vem acompanhando altas sucessivas nos estoques de cru e derivados, o que confirma a análise de baixa do consumo de combustíveis e energia.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.