Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preço do barril de petróleo cai abaixo de US$ 100 em NY

SÃO PAULO - Os futuros de petróleo recuaram mais de US$ 2 por barril hoje na Nymex, bolsa de futuros de energia de Nova York, no pregão eletrônico. Isto aconteceu após checagens iniciais mostram que o Furacão Ike não provocou danos permanentes nas plataformas das petrolíferas instaladas no Golfo do México.

Agência Estado |

O futuro com vencimento em outubro chegou a registrar mínima de US$ 98,93 por barril, o menor valor desde 2 de abril de 2008, em queda de US$ 2,27. Às 13h53 (horário de Brasília), o contrato de outubro caia US$ 2,07 a US$ 99,11 por barril. Se o contrato fechar neste patamar, será a primeira vez desde primeiro de abril que o petróleo fecha o dia abaixo de US$ 100 por barril.

Depois que o Furacão Ike atingiu a costa do Texas ontem, quase toda a produção de petróleo e gás natural do golfo foi interrompida. Apesar da maioria das refinarias não ter sofrido danos graves, a falta de energia elétrica impediu que voltassem a operar rapidamente. Dezesseis refinarias no Texas e na Louisiana responsáveis por quase um quarto da capacidade produtiva norte-americana estão fechadas ou enfrentando inundações.

Mas o mercado de petróleo - que já estavam em tendência de queda devido à redução no crescimento da demanda global - está refletindo o sentimento de que o pior cenário possível foi evitado. "Os primeiros relatórios de danos mostram que o furacão não foi tão devastador como era esperado", disse Phil Flynn, analista da Alaron Trading Corp, em Chicago.

Outros fatores, porém, podem interferir no mercado, como a ameaça de milícias da Nigéria atacarem navios petrolíferos e as empresas existentes no delta do Rio Níger. As informações são da Dow Jones.

Leia mais sobre: petróleo

 

Leia tudo sobre: petroleo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG