Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preço da habitação unifamiliar nas grandes cidades dos EUA cai 17,5%

Nova York, 30 set (EFE).- O preço médio das habitações unifamiliares nas dez maiores cidades dos Estados Unidos caiu no último ano 17,5%, a maior queda registrada em duas décadas, informou hoje a agência Standard & Poors (S&P).

EFE |

A agência de qualificação divulgou hoje as informações correspondentes a julho do índice Case-Shiller, que é elaborado desde 1988 e que já acumula dez meses consecutivos de quedas recorde.

Caso se amplie o raio de observação para as vinte maiores cidades dos EUA, a queda se modera para 16,3% , o que, mesmo assim, é também uma baixa recorde para os arquivos deste índice.

"Há indícios de um arrefecimento no ritmo de diminuição dos preços nas áreas metropolitanas nos últimos meses, mas segue sem ser observado um teto" no qual se vá deter a queda, explicou o presidente do comitê de índices do S&P, David Blitzer, ao apresentar as informações.

As maiores diminuições foram observadas em cidades como Las Vegas (Nevada), Miami (Flórida) e Phoenix (Arizona), onde uma habitação custava no final de julho cerca de dois terços do que era pago por ela um ano antes.

Quedas superiores a 20% foram registradas também em Los Angeles, Miami, San Diego e San Francisco, enquanto as quedas de preços superaram 15% em Detroit, Tampa e Washington.

Em Nova York a diminuição anual chegou a 7,4%, segundo as informações do índice, que reflete quedas de preços nas vinte cidades estudadas. EFE mgl/fal

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG