Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Preço da gasolina preocupa cada vez mais americanos, diz pesquisa

Nova York, 20 ago (EFE) - Os americanos se mostram cada vez mais preocupados com a crise energética e os elevados preços da gasolina, que levou muitos deles a mudar os planos para as férias, segundo uma pesquisa divulgada hoje. A pesquisa efetuada pela Universidade Quinnipiac, que consulta regularmente potenciais eleitores aos pleitos locais ou nacionais, reflete que a economia é o problema mais importante que o país enfrenta, de acordo com 44% dos entrevistados. Para 10% de potenciais eleitores, o assunto mais grave é a crise energética ou os preços da gasolina, o que representa o maior percentual nos últimos sete anos de pesquisas elaboradas por essa universidade. O percentual é só dois pontos inferior ao de americanos que consideram a Guerra do Iraque como o problema mais urgente para o país e contrasta com os 4% que citam o atendimento médico e o terrorismo como os assuntos mais preocupantes. Os americanos estão preocupados com os valores da gasolina e a metade deles afirma que os preços os obrigaram a mudar seus planos de férias, disse Maurice Carroll, diretor do Instituto de Opinião da universidade. Pelo menos 62% dos consultados são favoráveis a que sejam realizadas explorações petrolíferas em áreas marítimas agora protegidas, frente a 32% que são contra. Enquanto isso, 56% são partidários a construir mais usinas nucleares, opção com a qual 35% não concordam. A pesquisa, efetuada entre 12 e 17 de agosto e da qual participaram 1.547 ele...

EFE |

EFE vm/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG