A Positivo Informática informou que seus acionistas controladores aprovaram empréstimo de até R$ 100 milhões à companhia. O empréstimo será quirográfico (sem garantia) e o prazo é de três meses.

A empresa decidiu por um empréstimo dos controladores depois que instituições financeiras procuradas ofereceram custo financeiro mínimo de 154,88% da Taxa DI, já inclusos os impostos, e com a exigência de garantias, "cujas propostas foram consideradas não favoráveis", conforme consta da ata da reunião do conselho de administração.

O valor será remunerado com juros equivalentes a 100% da variação acumulada das taxas médias diárias dos DI over extra grupo - Depósitos Interfinanceiros de um dia (a "Taxa DI"), acrescida de um spread, de no máximo, "o equivalente às cotações de mercado vigentes na data da sua contratação".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.