A Portugal Telecom já tem uma estratégia financeira para comprar a participação da espanhola Telefónica na Vivo e obter o controle da companhia brasileira, segundo o site do jornal português Diário Econômico. De acordo com a reportagem, a estratégia poderá avançar logo que os espanhóis concretizarem a aguardada fusão com a Telecom Itália.

O Diário Econômico afirma que a direção da Portugal Telecom tem vários planos, entre eles a compra da totalidade da participação da Telefónica, avaliada entre € 3,5 bilhões e € 4,5 bilhões (US$ 4,7 bilhões e US$ 6,1 bilhões).

O site do jornal lembra que o presidente executivo da companhia portuguesa, Zeinal Bava, já afirmou que ela tem capacidade para financiar todos os seus projetos de crescimento, "ao mesmo tempo que está compradora da posição da Telefónica". O site ressalva, porém, que Bava nunca explicou como a empresa poderia fazê-lo e que no mercado ainda há quem duvide da capacidade da Portugal Telecom para realizar a operação.

O Diário Econômico apurou que "a operadora portuguesa pretende recorrer à dívida com base no seu próprio balanço, mas também no da Vivo, empresa brasileira que, em 2009, multiplicou por cinco o seu fluxo de caixa e que ao mesmo tempo está pouco endividada".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.