SÃO PAULO - A polícia francesa encontrou um pacote de explosivos na loja de departamento Printemps-Haussmann, no centro de Paris, e estabeleceu um perímetro de segurança no local. O alerta de que havia bombas na loja foi enviado a uma agência de notícias francesa, que chamou os policiais. Ao chegar na área, a ministra do Interior, Michèle Alliot-Marie, disse que os dispositivos não eram operacionais.

Falando da cidade de Estrasburgo, o presidente da França, Nicolas Sarkozy, observou que os dispositivos não possuíam detonadores. Pediu calma e vigilância à população.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.