Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Plano de paradas da Perdigão inclui PR e SC e afeta 9 mil funcionários

SÃO PAULO - O plano de paradas técnicas da Perdigão para ajuste de produção abrangerá nos próximos dias as plantas de Carambeí, no Paraná, e Capinzal, em Santa Catarina. Estarão envolvidos nesta parte do processo 5.

Valor Online |

100 funcionários, que terão férias coletivas de 30 dias. Estas paralisações vão se somar a outras já anunciadas para unidades do Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. Ao todo, cerca de 9 mil funcionários da Perdigão serão afetados.

No próximo dia 16, entram em férias coletivas 1.500 empregados do setor de abate de frangos da unidade Carambeí. O retorno está agendado para 18 de março. Segundo a empresa, continuarão em funcionamento as áreas de suínos e perus da unidade.

Em Santa Catarina, a unidade de Capinzal fará ajuste em seus três turnos de produção, sendo que em cada um dos turnos, 1.200 funcionários terão férias coletivas de 30 dias, o que abrange 3.600 empregados.

A empresa ressalva, no entanto, que a atividade não será completamente interrompida, pois as paradas de turno serão alternadas. A primeira licença ocorrerá de 16 de fevereiro a 13 de março. Em seguida, de 18 de março a 16 de abril, outros 1.200 funcionários de outro turno pararão também por um mês. A última parada programada pela Perdigão envolve outro turno da unidade, com outros 1.200 funcionários e vai de 17 de abril a 16 de maio.

Ainda hoje a empresa já havia anunciado férias coletivas de 30 dias também para 1.520 funcionários de sua unidade em Dourados (MS), que operam em abate e processamento de aves.

Na semana passada outros 2.370 funcionários da empresa (número corrigido pela empresa) foram informados de férias coletivas em Cavalhada (490 trabalhadores parados de 9 de fevereiro a 11 de março) e Lajeado (1.880 empregados, de 23 de março a 22 de abril).

Assim, no total do plano de paradas técnicas da Perdigão, 8.990 funcionários da empresa terão passado pelo processo de férias coletivas em cinco unidades de quatro estados do país.

(Bianca Ribeiro | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG