A bancada democrata no Congresso americano espera conseguir aprovar o plano de estímulo econômico defendido pelo presidente eleito, Barack Obama, já no início de fevereiro, afirmou neste domingo o líder da maioria na Câmara dos Representantes.

"Nós certamente queremos ver este pacote aprovado na Câmara dos Representantes no até o fim deste mês, para que ele possa seguir para o Senado e ser ratificado pelo presidente antes do feriado, início de fevereiro", disse Hoyer à rede Fox News neste domingo.

O parlamentar confirmou que o valor do pacote deve ficar entre 775 bilhões e um trilhão de dólares. "Temos discutido valores nesta ordem. Não vou estabelecer um número", indicou.

"Falando claramente, o plano precisará ser bastante substancial. Qualquer economista, da esquerda à direita, republicano, democrata, dirá que este precisa ser um pacote bastante substancial se, de fato, quisermos alcançar o objetivo, que é, naturalmente, estabilizar a economia e tentar começar a recuperá-la", argumentou.

Hoyer estimou que é pouco provável que os parlamentares consigam aprovar o pacote na Câmara antes da posse de Obama, no dia 20 de janeiro, como a bancada esperava inicialmente.

"Será difícil concluir o pacote totalmente tão rápido, e ainda ter tempo suficiente para revisá-lo, debatê-lo e aprová-lo", explicou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.