Crescimento econômico é o mais importante desde o terceiro semestre de 2008

Buenos Aires - O Produto Interno Bruto (PIB) da Argentina registrou um crescimento anual de 6,8% no primeiro trimestre do ano, informou hoje o Instituto Nacional de Estatística e Censo (Indec). O crescimento econômico registrado entre janeiro e março é o mais importante desde o terceiro trimestre de 2008, quando tinha sido de 6,9%, destacou um relatório do Indec.

O organismo oficial assinalou, além disso, que o investimento interna bruto fixado reverteu quatro trimestres consecutivos em baixa ao registrar uma alta anual de 13,1%, com o que se situou nos 21% do PIB. Por causa do impacto da crise financeira global, o PIB da Argentina cresceu 0,9 % em 2009, depois de seis anos consecutivos de incrementos a uma taxa de 8% em média. Para 2010, tanto o orçamento oficial como o Banco Central da Argentina prevêem um crescimento econômico de 2,5%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.