A Polícia Federal realizou hoje a Operação Downtown, com o objetivo de desarticular uma quadrilha de doleiros que atua na região central de São Paulo. De acordo com a PF, foram cumpridos 15 mandados de prisão e 50 de busca e apreensão, nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

As investigações revelaram que os envolvidos operavam com moedas estrangeiras, principalmente dólar e euro, no mercado paralelo, sem submeter seus resultados à tributação e ao controle do Banco Central. Há também indícios da ligação desses doleiros com membros do Primeiro Comando da Capital (PCC), traficantes de entorpecentes, trabalhadores informais estrangeiros e empresas privadas.

Os principais crimes cometidos pela quadrilha são evasão de divisas, operação de instituições financeiras sem a competente autorização, formação de quadrilha, lavagem de dinheiro e sonegação fiscal. As penas somadas podem chegar a 28 anos de prisão.

Leia mais sobre Polícia Federal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.