Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Peugeot volta a dar férias coletivas a 2,6 mil no RJ

A PSA Peugeot Citroën informa que 2,6 mil funcionários da fábrica de Porto Real (RJ) voltarão a entrar em férias coletivas por período de 30 dias a partir do dia 26 de janeiro. Em nota, o grupo alega que apesar do resultado do mercado de veículos ter ficado positivo no acumulado de 2008 em comparação com 2007, o setor registrou sensível queda nos últimos meses do ano, em razão da crise financeira mundial, que tem influência direta no futuro do setor automotivo.

Agência Estado |

"Como resultado deste cenário, a Peugeot Citroën do Brasil continua com níveis de estoque muito superiores ao normal. Sendo assim, e com o objetivo de manter o seu efetivo, a empresa optou por conceder um novo período de férias coletivas em sua fábrica de Porto Real", informa. O período das novas férias coletivas será de 26 de janeiro a 24 de fevereiro de 2009.

Em dezembro de 2008 a empresa deu férias coletivas para 3,3 mil funcionários que trabalham nos três turnos da fábrica de Porto Real. Do total, 2,6 mil, que trabalham nos dois turnos, voltaram ao trabalho em 5 de janeiro. Outros 700, do terceiro turno, entraram em licença remunerada por três meses.

Atualmente, a fábrica produz os modelos Peugeot 206, 207, Citroën C3 e Xsara Picasso, além de motores de 1,4 e 1,6 litro flexfuel. No ano passado o grupo produziu 142.922 veículos, com crescimento de 24,9% sobre 2007. As vendas, por sua vez, cresceram 17,7% para 151 mil unidades, o que levou o grupo a deter uma participação de 5,6% no mercado local.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG