Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo WTI fecha com baixa de 5,4% em Nova York

Nova York, 15 set (EFE - O preço do barril de Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) desceu hoje 5,4%, para US$ 95,71, em Nova York, entre sinais de que o furacão Ike causou menos danos do que se temia às refinarias e a outras instalações no Golfo do México.

EFE |

Ao fim do pregão regular na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de WTI para entrega em outubro diminuíram US$ 5,47 em relação ao valor de sexta-feira e fecharam no menor nível desde 15 de fevereiro.

Os valores da gasolina e do gasóleo também mostraram uma forte tendência de baixa e se depreciaram 7,2% e 4,8%, respectivamente.

Os contratos de gasolina para outubro fecharam a um preço de US$ 2,5614 o galão (3,78 litros) e os de gasóleo a US$ 2,7912 o galão.

No entanto, o gás natural para esse mesmo mês somou só US$ 0,01 a seu preço anterior e finalizou a US$ 7,37 por mil pés cúbicos.

O preço do WTI registrou hoje uma notável queda, paralelamente ao dia de baixa registrado em Wall Street e em outros mercados ao redor do mundo, por causa do colapso da firma de investimentos Lehman Brothers e dos problemas de outras entidades, como a seguradora AIG e o banco Merrill Lynch.

O forte retrocesso no preço do petróleo e dos combustíveis ocorreu apesar de a produção da commodity e de gás natural no golfo estar paralisada quase totalmente após a passagem dos furacões "Gustav" e "Ike".

Os últimos dados divulgados hoje pelo Serviço de Gestão de Minerais (MMS), a agência federal que supervisiona a atividade das companhias nessa região, refletem que 99,9% da produção diária habitual de petróleo e 93,8% no caso do gás natural se encontram ainda paralisadas.

No entanto, a agência informou que as companhias que operam no golfo começaram a transferir pessoal às plataformas de produção e a outras instalações marinhas, a fim de ir recuperando as atividades de produção. EFE vm/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG