Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo WTI baixa levemente e fecha a US$ 109,35 em Nova York

Nova York, 3 set (EFE) - O preço do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) baixou hoje levemente no mercado nova-iorquino e fechou a US$ 109,35 o barril, entre sinais de que a atividade no Golfo do México começa a se recuperar após a passagem do furacão Gustav.

EFE |

Os contratos de WTI para entrega em outubro diminuíram US$ 0,36 em relação ao preço anterior, após ter sido negociado em torno de US$ 107 em alguns lances do pregão.

Os de gasolina para entrega em outubro finalizaram a um preço de US$ 2,7668 por galão (3,78 litros), valor US$ 0,03 inferior ao de terça-feira.

O gasóleo de calefação para entrega nesse mês não registrou variações significativas e concluiu a jornada a US$ 3,0788 o galão, um nível similar ao do dia anterior.

Quanto ao gás natural, os contratos para outubro fecharam a US$ 7,26 por mil pés cúbicos, quase sem mudanças em relação a terça-feira.

O preço do WTI desceu durante os últimos quatro pregões, entre sinais de menor demanda de combustíveis nos Estados Unidos e em outros países desenvolvidos, e por causa da firme posição do dólar perante o euro e a outras divisas.

A tendência de baixa foi afiançada após ficar comprovado que "Gustav" não alcançava a intensidade temida em sua trajetória pelo Golfo do México e pelos estados do sul dos Estados Unidos, o que evitou danos significativos às plataformas de produção e às refinarias.

O Serviço de Gestão de Minerais (MMS, em inglês), a agência federal dos EUA que supervisiona as operações petrolíferas em águas do Golfo, divulgou hoje dados que refletem que começa a ser retomada a atividade na zona.

Os operadores ficaram à espera de conhecer no próximo pregão, um dia mais tarde que o habitual por segunda-feira ter sido feriado, o estado das reservas de petróleo e combustíveis armazenados na semana passada nos EUA, o que pode definir a orientação dos preços em pregões futuros. EFE vm/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG