Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo sofre nova queda e fecha abaixo dos 36 dólares

Os preços do petróleo caíram novamente nesta quarta-feira em Nova York, depois de um relatório do Departamento americano da Emergia mostrando que as reservas continuam aumentando nos Estados Unidos num momento em que a demanda segue fraca.

AFP |

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de 'light sweet' para entrega em março caiu 1,61 dólar em relação ao pregão de terça-feira, fechando a 35,94 dólares.

Trata-se do segundo forte recuo consecutivo para o contrato de referência.

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte de igual vencimento caiu 33 centavos, fechando a 44,38 dólares.

O mercado teve de lidar com a notícia, divulgada pelo Departamento americano da Energia em seu relatório semanal, de que as reservas de bruto aumentaram em 4,7 milhões de barris, um número superior às previsões dos analistas.

"Com a atividade das refinarias em baixa (a taxa de utilização passou de 83,5% a 81,6% em uma semana), é difícil argumentar em favor de uma estabilização ou de um aumento dos preços, num momento em que a demanda simplesmente não existe", resumiu John Kilduff, da MF Global.

"Por enquanto, prossegue o esquema observado nas últimas semanas: os investidores vendem os contratos de curto prazo e compram os de longo prazo, devido à abundância das reservas", acrescentou.

mla/yw/sd

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG