Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo retoma trajetória de baixa e fecha a US$ 115 em Nova York

SÃO PAULO - Os preços do petróleo retomaram a trajetória de queda nesta sessão devido à fraqueza da economia européia, que divulgou variação negativa para o Produto Interno Bruto (PIB) do último trimestre. O dado devolveu aos analistas a percepção de que o consumo global tende a se reduzir.

Valor Online |

O contrato de WTI negociado para o mês de setembro em Nova York caiu US$ 0,99, para US$ 115,01. O contrato para o mês seguinte encerrou a US$ 115,03, com recuo de US$ 0,96. O barril de Brent para o mês que vem declinou US$ 0,83, para US$ 112,64. O contrato para o mês de outubro fechou em baixa de US$ 1,17, para US$ 113,68.

Conforme dados divulgados hoje, o PIB da economia da zona do euro caiu 0,2% no segundo trimestre deste ano, após um modesto aumento verificado nos primeiros três meses de 2008. Alemanha e França, as duas principais economias da região, apontaram retração do PIB.

Além disso, a China anunciou uma desaceleração da sua atividade industrial em julho, com aumento de 14,7% em relação ao julho de 2007. Em junho essa variação havia sido de 16%.

As notícias também não foram muito animadoras nos Estados Unidos. O maior consumidor global de petróleo e derivados registrou na última semana uma pequena redução, de 10 mil, nas solicitações de seguro desemprego, mas o índice ainda é muito alto, de 450 mil. Um patamar acima de 450 mil é considerado sinal de recessão.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG