NOVA YORK (Reuters) - Os futuros do petróleo negociados nos Estados Unidos terminaram em alta nesta quarta-feira, com tensões geopolíticas, diante de uma potencial resposta da Rússia à instalação de um escudo antimíssil dos Estados Unidos na Polônia, disseram traders. Além disso, uma grande queda nos estoques de gasolina nos EUA também adicionaram algum suporte. [ID:nN20412034]

Os futuros começaram em alta, chegaram a cair quase 3 dólares, por dados maiores que os esperados para os estoques de petróleo, e depois de se repuraram.

O contrato setembro fechou com alta de 0,45 dólar, ou 0,39 por cento, a 114,98 dólares por barril, após ter sido negociado entre 112,61 e 117,03.

'As notícias de uma potencial resposta da Rússia está causando uma recuperação das perdas iniciais', disse um corretor.

'O mercado está começando a olhar a Rússia mais seriamente, depois de desconsiderar o que ocorreu na Geórgia, na semana passada', acrescentou ele.

Em Londres, o contrato outubro do Brent fechou com alta de 1,11 dólar, ou 0,98 por cento, a 114,36 dólares o barril, após ter sido negociado entre 111,61 e 115,59.

(Reportagem de Gene Ramos e Robert Gibbons)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.