Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo nos EUA cai com aumento dos estoques

NOVA YORK - Os preços do petróleo fecharam em queda pelo segundo dia consecutivo nesta quarta-feira após dados do governo terem mostrado uma surpreendente alta nos estoques de gasolina e petróleo e um crescimento acima do esperado das reservas de derivados. Na Nymex, o contrato agosto caiu US$ 4,14, ou 2,98%, a US$ 134,60 por barril, sendo negociado entre US% 132 -- menor nível desde 25 de junho -- e US$ 139,30. O recorde da commodity foi atingido na última sexta-feira a US$ 147,27.

Reuters |

Na terça-feira, o contrato caiu US$ 6,44, registrando a maior queda em dólares desde a queda de US$ 10,56 em janeiro de 1991.

Em Londres, o agosto do petróleo tipo Brent venceu e fechou em queda de US$ 2,56, ou 1,85%, a US$ 136,19, após ter sido negociado entre US& 132,50 e US$ 139,26.

A Administração de Informações de Energia afirmou que na última semana os estoques de petróleo subiram 3 milhões de barris, as reservas de gasolina avançaram 2,4 milhões de barris e os derivados cresceram 3,2 milhões de barris.

'O fato de a região da Costa Oeste ter respondido por menos de 10% da alta dos estoques de petróleo também é um fator baixista', disse Jim Ritterbusch, presidente da Ritterbusch & Associates.

(Reportagem de Gene Ramos e Robert Gibbons)

Leia mais sobre petróleo

Leia tudo sobre: petroleopetróleo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG