Os contratos futuros de petróleo, negociados no mercado internacional, fecharam em forte alta hoje, de mais de 7%, com os investidores à espera da reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), neste fim de semana, no Cairo. O corte na taxa de juros da China, o maior em 11 anos, também foi citado pelos analistas como um fator positivo.

Na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês), os contratos futuros do petróleo tipo WTI com vencimento em janeiro fecharam em alta de 7,23%, a US$ 54,44 o barril. Incluindo as transações na sessão eletrônica, a máxima deste contrato foi de US$ 54,86 e a mínima de US$ 50,15. Em Londres, na Bolsa Intercontinental (ICE), os contratos futuros do petróleo tipo Brent com mesmo vencimento fecharam em alta de 7,09%, a US$ 53,92 por barril, com máxima de US$ 54,38 e mínima de US$ 49,81.

Na agenda de indicadores econômicos do dia, o mercado de petróleo se surpreendeu com o aumento de 7,28 milhões de barris nos estoques de petróleo dos Estados Unidos na semana encerrada na última sexta-feira (dia 21). Analistas esperavam aumento de 900 mil barris. O número aumenta as chances de um corte na produção da Opep, disseram analistas.

Amanhã é feriado do Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos e, em função disso, o pregão regular de petróleo estará fechado em Nova York, mas as transações na sessão eletrônica seguirão normais. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.