Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo fecha em baixa em Nova York após números sobre o desemprego

Os preços do petróleo fecharam em baixa nesta sexta-feira em Nova York, devido à publicação de péssimos números sobre o desemprego nos Estados Unidos.

AFP |

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de 'light sweet' para entrega em março fechou a 40,17 dólares, uma queda de um dólar em relação ao pregão de quinta-feira.

"Houve muito movimento no mercado" nesta sexta-feira, constatou o analista independente Ellis Eckland, explicando que abriu em baixa por causa dos números catastróficos publicados num relatório sobre o desemprego.

Os Estados Unidos cortaram 598.000 empregos em janeiro, o que transformou este mês no pior para o emprego desde dezembro de 1974, e reacendeu os temores de queda da demanda de petróleo.

Além disso, os contratos de curto prazo foram afetados pela proximidade da expiração do contrato de referência atual (20 de fevereiro). Com preços mais elevados no longo prazo e capacidades de estocagem próximas da saturação, o mercado é penalizado pela atitude dos investidores, que preferem conservar seu petróleo para vendê-lo mais tarde.

Entretanto, os preços voltaram temporariamente no verde durante a sessão, sob o impulso de Wall Street.

"A animação cresceu com a ideia de um novo plano de recuperação e de uma estrutura para ajudar os bancos. A liquidez voltou a Wall Street e acabou chegando aos mercados de matérias-primas", explicou Eckland.

No entanto, os investidores acabaram vendendo no fim do pregão, lembrando-se de que os fundamentos do mercado de petróleo não são satisfatórios.

mla/yw/sd

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG