NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo nos Estados Unidos fecharam em alta nesta segunda-feira, quebrando uma sequência de quatros sessões de baixas, com previsões de que a tempestade tropical Dolly irá atingir uma área-chave de refinarias no Texas e com preocupações persistentes em torno do programa nuclear do Irã. Na Nymex, o contrato agosto fechou em alta de 2,16 dólares, ou 1,68 por cento, a 131,04 dólares por barril, sendo negociado entre 128,963 e 132,05 dólares.

'O petróleo está subindo porque a tempestade tropical Dolly pode se tornar um furacão e atingir o Texas, perto da área de Brownsville', disse Gene McGillian, analista da Tradition Energy.

O contrato agosto, que vence na terça-feira, aculumou perdas de 16,30 dólares, ou 11,23 por cento, na última semana.

Este atingiu um recorde a 147,27 dólares em 11 de julho.

Em Londres, o contrato setembro do petróleo tipo Brent subiu 2,62 dólares, ou 2,86 por cento, a 132,61 dólares por barril, sendo negociado entre 130,19 e 133,15 dólares.

A Shell informou que a empresa evacuou seus trabalhadores de sua plataforma no Golfo do México no domingo mas disse que não espera nenhum efeito em sua produção.

A Exxon Mobil afirmou que está realizando preparativos para tempo mais pesado em suas operações no sul do Texas e no Golfo.

A Petrobras afirmou que está observando a tempestade com 'bastante atenção' mas não tomou nenhuma decisão para retirar seus trabalhadores.

(Reportagem de Gene Ramos)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.