Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo fecha abaixo de 44 dólares, seu menor nível em cinco anos

Os preços do petróleo fecharam abaixo de 44 dólares o barril nesta quinta-feira em Nova York, caindo assim para os níveis de janeiro de 2005, em um mercado que continua temendo uma redução prolongada da demanda devido à crise econômica.

AFP |

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril do 'light sweet' para entrega em janeiro fechou em 43,67 dólares, queda de 3,12 dólares em relação ao fechamento de quarta-feira.

Em Londres, o barril do Brent do Mar do Norte para entrega em janeiro fechou em 42,28 dólares, recuando 3,16 dólares em relação ao fechamento de ontem.

Os preços chegaram a cair para 43,51 dólares em Nova York e 42,04 dólares em Londres durante a sessão.

Desde o recorde de 147 dólares, atingido em 11 de julho, o barril de petróleo já perdeu mais de 100 dólares.

"O mercado está preocupado, tanto com a economia americana como com a economia mundial", comentou Antoine Halff, do Newedge Group.

Agora, o mercado está começando a se preocupar também com o crescimento chinês.

No entanto, "o secretário chinês do Comércio, Chen Deming, disse confiar em que a China mantenha um crescimento de 7% a 8% de seu Produto Interno Bruto (PIB) em 2009 se não houver mudanças na economia mundial", observou Mike Fitzpatrick, da MF Global.

A tendência de baixa também é acentuada pelas "preocupações do mercado quanto à capacidade da Opep de se manter unida", destacou o analista independente Ellis Eckland.

O mercado aguarda a próxima reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), prevista para 17 de dezembro na Argélia, durante a qual deve ser anunciado um corte significativo da produção.

"Está claro que a Opep vai reduzir sua produção. Porém, até que o mercado constate esta redução, os investidores vão seguir apostando na queda", explicou o analista.

mla/yw/LR

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG