Nova York, 8 jan (EFE).- O preço do barril de Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) caiu hoje 2,2%, aos US$ 41,70, entre dados econômicos e de trabalho desfavoráveis nos Estados Unidos que estimulam as expectativas de uma menor demanda de combustíveis.

Ao término da sessão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de WTI para entrega em fevereiro caíram US$ 0,93 em comparação com o preço anterior, para fechar em vermelho pela terceira sessão consecutiva.

O barril do WTI já havia caído 12,2% na quarta-feira, e acumula uma baixa de US$ 4,64 (10%) esta semana.

Os contratos de gasolina para entrega em fevereiro subiram US$ 0,01, para US$ 1,0882 o galão (3,78 litros).

O gasóleo de calefação para esse mês caiu US$ 0,3, para US$ 1,5196 o galão.

Os contratos de gás natural para fevereiro terminaram a sessão a US$ 5,58 por mil pés cúbicos, após uma baixa de US$ 0,29 em comparação com a quarta-feira.

A baixa no preço desse combustível coincidiu com a divulgação de dados do Departamento de Energia (DOE) que refletiram uma queda das reservas de gás na semana passada menor do que a esperada pelo mercado.

Os dados divulgados nesta quinta-feira relativos a vendas do comércio no varejo em dezembro nos EUA mostraram uma maior cautela dos consumidores em suas despesas, por causa da recessão econômica e da deterioração do mercado de trabalho. EFE vm/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.