Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo cai com dado sobre demanda nos EUA

Os contratos do petróleo operam em baixa hoje, pressionados por realização de lucros e dados divulgados ontem sinalizando queda na demanda pela commodity nos EUA, segundo analistas. Às 11h25 (de Brasília), o contrato do petróleo com vencimento em janeiro negociado na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex) caía US$ 1,28, ou 2,35%, para US$ 53,16 o barril.

Agência Estado |

Em Londres, o contrato do petróleo tipo Brent para janeiro recuava US$ 1,28, ou 2,37%, para US$ 52,64 o barril.

Ontem, apesar da divulgação de uma série de números sobre a demanda e a economia norte-americanas, a maior parte do movimento no mercado foi baseada no ajuste de posições dos investidores antes do feriado de Ação de Graças nos EUA. Hoje, no entanto, corretores debruçaram-se sobre o relatório do Departamento de Energia (DOE) dos EUA, divulgado ontem, que confirmou a perspectiva pessimista sobre o consumo de petróleo.

De acordo com o DOE, a demanda norte-americana por petróleo caiu 2,62 milhões de barris por dia - ou 12,8% - em setembro, registrando a maior queda em termos percentuais desde agosto de 1980. Além disso, os estoques da commodity no país tiveram aumento muito superior à expectativa do mercado.

O pequeno volume de negociações devido ao feriado e à expectativa da reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) no fim de semana, no entanto, devem restringir o intervalo de negociação dos preços da commodity entre US$ 50 e US$ 55 o barril até sexta-feira, segundo os participantes do mercado. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG