SÃO PAULO - As quedas nos níveis de petróleo e derivados nos Estados Unidos na semana passada mexem com os negócios nas praças de commodities. Dados oficiais apresentados nesta manhã mostraram um recuo de 400 mil nos estoques de destilados na semana terminada no dia 8 deste mês em meio a projeções de avanço.

As reservas de gasolina baixaram em 6,4 milhões de barris ante previsão de decréscimo de 2,2 milhões de barris. As marcas de destilados caíram em 1,7 milhão de barris, contrariando as estimativas de recomposição.

Há pouco em Londres, o Brent para setembro aumentava US$ 1,19, a US$ 112,34. O vencimento de outubro tinha elevação de US$ 1,15, saindo a US$ 113,65.

Em Nova York, o WTI com entrega em setembro estava a US$ 113,60, com acréscimo de US$ 0,59. O contrato de outubro era transacionado a US$ 113,55, alta de US$ 0,42.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.