Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petróleo aumenta em Nova York graças a números do PIB dos EUA

Os preços do petróleo subiram levemente nesta sexta-feira em Nova York, sustentados por uma redução do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos menos importante que o previsto.

AFP |

No New York Mercantile Exchange (Nymex), o barril de 'light sweet' para entrega em março fechou a 41,68 dólares, em alta de 24 centavos em relação ao fechamento de quinta-feira.

Em Londres, o barril do tipo Brent com o mesmo vencimento também ganhou 24 centavos, cotado a 41,68 dólares na InterContinental Exchange.

O mercado de Nova York tinha aberto em alta, aliviado com os números do PIB, que recuou 3,8% no quarto trimestre em ritmo anual, ou seja, a maior baixa registrada desde 1982. Entretanto, o mercado esperava uma contração de 5,4%.

"Isso significa que a recessão não é tão grave assim, e o mercado está comemorando a notícia", considerou Phil Flynn, da Alaron Trading.

Além disso, as estatísticas publicadas nesta sexta-feira revelaram um nível de estoque das empresas menos elevado que o previsto, sugerindo que as usinas "poderiam voltar a funcionar", impulsionando o consumo de energia.

No entanto, o entusiasmo caiu durante a sessão. "Os números são menos ruins que o previsto, mas continuam ruins", destacou Andy Lipow, da Lipow Oil Associates.

Além disso, o mercado estava preocupado com o impacto de uma eventual greve dos operários das refinarias americanas neste fim de semana.

gmo/yw

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG