Tamanho do texto

Bogotá, 17 mar (EFE).- A Petrobras planeja investir cerca de US$ 400 milhões na Colômbia nos próximos três anos, apesar da restrição no exterior anunciada pela empresa para este ano, publica hoje a imprensa local.

Assim assegurou ao diário "Portafolio", o presidente da subsidiária da companhia na Colômbia, Abílio Paulo Pinheiro Ramos.

Ele explicou que "a Petrobras está atenta aos negócios que aparecem a cada dia e analisa se são de seu interesse. Quando se apresentam, concreta essas oportunidades".

"Todo o dinheiro que geramos na Colômbia investimos aqui. Todos os negócios do período 2010-2014 ainda estão para ser anunciados, porque dependemos das decisões da matriz. Mas nos planos de negócio do período 2009-2013, os investimentos orçados chegam aos US$ 400 milhões", detalhou.

Embora a Petrobras tenha anunciado para este ano uma restrição no exterior para assim conseguir um fluxo de caixa muito mais sólido para respaldar seus projetos internos, Pinheiro ressaltou que o plano de quatro anos para a Colômbia está sendo executado segundo o previsto, tanto em atividades de exploração como de produção.

Para este ano, a empresa prevê explorar na Colômbia de quatro a cinco poços e trabalhar entre três e quatro poços em desenvolvimento. Além disso, ela acaba de conseguir uma licitação para fornecer, a partir de abril, combustíveis e lubrificantes para maquinaria e para o parque automotivo de Cerrejón, em La Guajira (norte da Colômbia).

Segundo Pinheiro, a subsidiária Petrobras Colombia Ltd. trabalha no país com cerca de 40 mil barris por dia, com uma participação líquida em uma quarta parte deles e dispõe de uma rede de 74 postos de gasolina no território colombiano e uma fábrica de produção em Bogotá. EFE ac/sa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.