SÃO PAULO - Apoiada no bom desempenho das ações da Petrobras e da Vale, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) tenta permanecer descola da instabilidade externa. Por volta das 17h20, o Ibovespa apontava alta de 0,18%, aos 39.

746 pontos, com giro financeiro em R$ 2,51 bilhões.

Em Wall Street, dados econômicos divergentes e a perene preocupação com o setor financeiro seguram o Dow Jones em baixa de 1,04%, enquanto o Nasdaq perdia 1,55%.

Garantindo a variação positiva do Ibovespa, Petrobras PN subia 1,77%, para R$ 26,35, e Petrobras ON aumentava 2,56%, a R$ 32,38. Contribuindo, Vale PNA tinha valorização de 0,33%, a R$ 29,71.

Atuando em direção contrária, Bradesco PN caía 0,83%, para R$ 21,47, e CSN ON perdia 0,40%, a R$ 34,36.

À parte do mau humor, Banco do Brasil ON subia 2,44%, para R$ 13,84. O BB fechou o 2008 com lucro líquido de R$ 8,803 bilhões, montante 74% maior que o registrado em 2007. Só no quarto trimestre, o banco estatal embolsou R$ 2,94 bilhões, mais que o dobro do registrado em igual período do ano anterior.

Usiminas PNA avançava 0,53%, a R$ 27,90. A empresa teve lucro de R$ 837 milhões entre outubro de dezembro do ano passado, queda de 14% no comparativo anual. A companhia anunciou também o pagamento de R$ 233 milhões sob a forma de dividendos complementares, o que representa R$ 0,45159 por ação ON e R$ 0,49675 por papel PN. Terá direito ao recebimento acionistas com posição em 5 de março. A partir de 6 de março de 2009, as ações serão negociadas sem direito ao dividendo.

Puxando vendas desde a abertura do pregão, Cyrela ON caía 5,66%, para R$ 8,50, e Gafisa ON se desvalorizava 4,91%, a R$ 11,60. A notícia do dia envolvendo o setor é a compra da endividada Abyara. A Agra Incorporadora, empresa ligada a Cyrela, e o investidor espanhol Enrique Bañuelos de Castro fecharam a compra do controle da companhia. Os dois investidores pagarão R$ 37,9 milhões por 62,13% do capital da companhia, o que representa R$ 1,2 por ação ordinária. O papel ON da Abyara caía 2,47%, a R$ 1,97.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.