Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Petrobras devolve Bloco 31 ao Equador

A brasileira Petrobras concordou em devolver ao governo equatoriano um campo localizado na floresta amazônica, anunciou nesta segunda-feira o ministro equatoriano das Minas e do Petróleo, Galo Chiriboga.

AFP |

"A Petrobras concordou em desistir da exploração do Bloco 31, dando início a um processo de transferência deste campo para o Estado", declarou Chiriboga, qualificando de "boa notícia" o acordo concluído com a estatal brasileira, que ainda não havia iniciado a produção no Bloco 31.

Segundo uma fonte do ministério equatoriano das Minas, a Petrobras desistiu de explorar o Bloco 31 por estar localizado em uma área onde poderia enfrentar problemas ambientais e sociais.

De fato, 30% do campo se encontra dentro de uma reserva indígena.

O ministério equatoriano destacou que a Petrobras pretendia extrair do Bloco 31 cerca de 25 milhões de barris por dia (mbd) no primeiro ano de produção. A estatal brasileira também tinha previsto construir uma estrada e um oleoduto.

A Petrobras continua explorando o Bloco 18, também localizado na Amazônia equatoriana, de onde extrai 32.000 mbd.

sp/yw

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG