Paris, 31 jul (EFE).- O Peru entrou no mecanismo da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) para dar garantias aos investidores internacionais sobre as condições que encontrarão no país.

A OCDE anunciou hoje que o Peru se transformou no Estado número 41 a fazer parte da declaração sobre o investimento internacional e as empresas internacionais e, em comunicado, ressaltou que a entrada do país no mecanismo é resultado de um exame profundo de suas políticas na matéria.

"Esta adesão marca o reconhecimento dos importantes progressos realizados pelo país na reforma de suas políticas de investimento para a melhora do clima de negócio e a redução da pobreza em escala nacional", declarou o Clube dos países desenvolvidos (nações com alto Índice de Desenvolvimento Humano, IDH).

O órgão acrescentou que todas as iniciativas "contribuíram para o crescimento da economia peruana, assim como para o dinamismo dos investimentos diretos estrangeiros".

No novo dispositivo, o Peru se compromete a "garantir a igualdade de tratamento dos investidores estrangeiros e a promover um comportamento responsável das empresas".

Em troca, os outros signatários da declaração garantirão um tratamento igualitário aos investidores peruanos que serão seus respectivos países.

EFE ac/fh/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.