O chefe do Departamento Econômico do Banco Central (BC), Altamir Lopes, informou hoje que, pela primeira vez, a China apareceu na estatística de Investimento Estrangeiro Direto (IED) no Brasil. Segundo os dados do BC sobre o IED em fevereiro, os investimentos chineses no País somaram US$ 354 milhões e foram direcionados para a indústria extrativa mineral, mais especificamente para a exploração de minerais metálicos voltados à exportação.

De acordo com Altamir, o investimento da China e outros voltados para o setor exportador trazem uma boa perspectiva para o desempenho futuro das vendas externas do País, o que vai ajudar, no longo prazo, a conter o déficit em conta corrente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.