SÃO PAULO - Os pedidos de máquinas do setor privado do Japão caíram 4,4% em outubro em relação ao mês anterior, respeitando ajuste sazonal, comunicou o Departamento do Gabinete do país nesta quarta-feira. Em setembro, houve acréscimo de 5,5%.

Em comparação com outubro de um ano antes, as requisições declinaram 15,5%.

Os dados descontam as encomendas de empresas de geração de energia e estaleiros, consideradas voláteis, e vieram após as empresas reduzirem seus gastos em reação à desaceleração econômica global.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.