WASHINGTON - Os pedidos às fábricas dos Estados Unidos caíram 4,6% em novembro, mais que o dobro do esperado pelos analistas, informou hoje o Departamento de Comércio americano.

Os despachos de bens das fábricas caíram esse mês 5,3%, um número sem precedentes no país.

Os pedidos e despachos de bens não duráveis caíram 7,4% em novembro, outro índice sem precedentes, liderados pela queda de 22% nos despachos das refinarias de petróleo.

Em novembro, os preços do petróleo e da gasolina caíram quase 20%, enquanto os pedidos de bens duráveis desceram 1,5%.

Os pedidos às fábricas caíram durante quatro meses consecutivos, e perderam 15,2% desde novembro de 2007. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.