Tamanho do texto

O secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson, disse hoje que está disposto a ouvir os pedidos dos congressistas democratas para que os proprietários de imóveis com dívidas de hipoteca sejam incluídos no plano de US$ 700 bilhões para estabilizar a economia do país. O programa deve ter um componente de alívio no que se refere às hipotecas, disse ele, em entrevista à rede de TV americana Fox.

Paulson afirmou também que este é um momento humilhante para os EUA e que o verdadeiro custo de seu programa "será determinado pela rapidez de recuperação da economia e da estabilização dos preços dos imóveis".

Paulson disse ainda que o plano foi elaborado para minimizar custos para os contribuintes americanos e que eles podem enfrentar riscos maiores se o governo não fizer nada. "Esse plano não somente lida com as instituições à beira da falência, como também protege o sistema ao evitar o máximo de falências possível", disse Paulson. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.