Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Parlamentar responde a cinco inquéritos e uma ação penal

Em seu segundo mandato como deputado federal, José Tatico coleciona investigações no Supremo Tribunal Federal. Hoje, é alvo de, pelo menos, cinco inquéritos e uma ação penal.

Agência Estado |

Ele é suspeito de crimes contra a ordem tributária - como sonegação de impostos - , uso de documentos falsos, crime contra o meio ambiente, contra a Previdência, entre outros. Seu nome apareceu como sugestão de indiciamento no relatório final da CPI do Roubo de Cargas, do Congresso, no fim de 2002.

Tatico teria, segundo a investigação, participado de receptação qualificada de cargas roubadas. Ele sempre negou as acusações. O deputado também sofreu em 2008 processo por cassação de mandato na Justiça Eleitoral. O Tribunal Regional Eleitoral de Goiás chegou a declarar a perda do cargo por suposto caixa dois de campanha em 2006.

O parlamentar conseguiu liminar do Tribunal Superior Eleitoral para permanecer com o mandato. Tatico já foi deputado pelo Distrito Federal e hoje ocupa uma cadeira por Goiás. De olho nas próximas eleições, transferiu seu domicílio para Minas Gerais, Estado que tentará representar na Câmara a partir de 2011.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG