RIO - O Brasil precisaria crescer 4,9% no quarto trimestre para garantir um alta de 6% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2008. De acordo com Rebeca Palis, gerente de contas trimestrais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), para que o crescimento de 5,7%, o mesmo de 2007, fosse atingido este ano, o PIB precisaria subir 3,7% no quarto trimestre frente a igual período do exercício anterior.

A economista evitou fazer projeções para o quarto trimestre e afirmou que apenas depois da coleta e divulgação de dados, em 10 de março, é que se verá a influência da atual crise na economia brasileira.

Segundo ela, caso o impacto da crise seja grande a ponto de a economia brasileira não crescer no quarto trimestre, o PIB ainda fecharia o ano com alta de 4,8%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.